Dúvidas2024-03-20T17:25:25-03:00

Está com alguma dúvida?

Veja abaixo se consegue resolver:

Contabilidade

São tantas as obrigações que fazem parte das atribuições de um contador que muitas vezes ficamos confusos com tantas siglas e obrigações, tai como DCFT, ECD, ECF, EFD-CONTRIBUIÇÕES, GIA, E-social e tantas outras.
O contador é o profissional que conhece com profundidade todas esses procedimentos e além de se responsabilizar pela elaboração e envio aos órgãos responsáveis, é também o profissional que poderá ajudá-lo a entender e enxergar se sua empresa está dando lucro ou prejuízo, com isso pode tomar as melhores decisões para você dedicar seu tempo exclusivamente ao negócio.

Contratar um contador para sua empresa dará mais tempo para você pensar apenas no seu negócio e esquecer as burocracias com o governo.

Primeiramente mantenha a calma!

A situação do contribuinte cuja declaração de imposto de renda fica retido na Receita Federal possui solução e podemos ajuda-lo!

Existem cinco informações necessárias para corrigir essa situação:

  1. Tenha sempre em mãos seu certificado digital ou a senha da Receita Federal;
  2. Arquive as notas fiscais das despesas que foram lançadas na declaração. Dica do Contador: o ideal é montar todo ano uma pasta com todos os detalhes que compõem a sua declaração;
  3. Verificar quais foram as inconsistências apresentadas;
  4. Ajustar sempre que possível a declaração de acordo com as solicitações da Receita;
  5. Arquive as informações geradas e caso queira realizar suas declarações ou retificações conosco não se preocupe, daremos continuidade junto à Receita Federal para você.

O capital social é o valor investido por cada um dos sócios para começar um negócio, seja em bens financeiros, bens materiais ou imateriais.
Além disso, o capital social deve ser registrado no Contrato Social da empresa na Junta Comercial.
Na vida prática ao abrir uma empresa, deve-se no mesmo momento abrir uma conta corrente do estabelecimento e transferir o valor do capital social na conta da empresa ou sociedade.
Se o capital for composto bens, a documentação destes bens deverá ser transferida para o nome da empresa ou sociedade.

Certidão negativa, que nada mais é que um documento emitido por órgãos do governo para comprovar ou informar que uma empresa ou sociedade não possui pendências em ações civis, criminais ou federais e ainda que não há pendências financeiras em seu nome.
As empresas possuem inúmeras certidões, sendo as de maiores destaques as Federais, Estaduais e Municipais. Para que uma certidão não seja emitida, é necessário ocorrer duas situações: a o primeira é a ausência de pagamentos de impostos ou parcelamentos existentes junto aos órgãos reguladores. Já a segunda, pode ser pela ausência de entrega ou de informações inconsistentes em obrigações acessórias junto aos órgãos competentes.

A RECTA atende todo o Brasil através de uma plataforma online. Estamos prontos para estar junto da sua empresa.

Pode. Mesmo que você não tiver aberto seu negócio com a RECTA, poderá contar com a nossa contabilidade completa.

Calma isso tem solução!
É permitido parcelamento para as dívidas do simples nacional e talvez você possa se beneficiar deste benefício.
Caso já tenha um parcelamento e tem novas dívidas é possível cancelar o primeiro e fazer um novo parcelamento com o saldo em aberto.
Com a Recta fazemos isso para você e lhe apresentamos as melhores opções.

  • Como a RECTA ajuda seus clientes a equalizar as dívidas tributárias?

Como a RECTA ajuda seus clientes a equalizar as dívidas tributárias?

As dívidas tributárias representam um dos maiores desafios enfrentados por empresas no Brasil. A complexidade das leis fiscais e a falta de compreensão adequada das regulamentações podem levar as empresas a acumularem passivos fiscais significativos, impactando negativamente sua saúde financeira e sua capacidade de crescimento. Diante desse cenário, contar com o suporte especializado de uma empresa de contabilidade como a RECTA pode fazer toda ...

Abertura de Empresa

Não. É necessário realizar alteração ou baixa. Nós também fazemos alteração contratual.

  • RG e CPF
  • Comprovante de endereço atual
  • Certidão de casamento (se casado[a])
  • IPTU do endereço sede da empresa

Em até 24 horas já é possível obter o CNPJ e geralmente 05 dias até poder emitir nota fiscal de serviços.

Sim ,mas para isso, o CPF deve estar em situação regular na Receita Federal.

Irá depender da atividade da sua empresa. Um dos nossos especialistas saberá orientar a melhor opção para você.

Departamento Legal

  • 02 cópias autenticadas do RG do empresário (não pode ser CNH e não pode ter mais de 10 anos da data de expedição);
  • 02 cópias autenticadas do CPF do empresário (caso já possua o CPF no RG não é necessário o envio); – 01 cópia simples do comprovante de endereço atualizado do empresário;
  • 01 cópia simples da certidão de casamento (se houver);
  • 01 cópia simples do IPTU do imóvel onde a empresa está localizada; se o certificado digital de pessoa física for emitido, podemos substituir as cópias por fotos, agilizando assim o processo.
Segundo a Lei Complementar nº 155 de 2016, em seu Art. 3°, as microempresas devem ter a receita bruta igual ou inferior a R$ 360.000,00.
No caso das empresas de pequeno porte, a receita bruta superior a R$ 360.000,00 e igual ou inferior a R$ 4.800.000,00

Você pode ser MEI ao atender as seguintes condições:

  • ter faturamento anual de até R$ 81 mil ou proporcional aos meses trabalhados – como explicado abaixo;
  • não ser sócio, administrador ou titular de outra empresa;
  • ter no máximo 1 funcionário contratado;
  • exercer uma das mais de 450 atividades permitidas.
CNAE é uma sigla que significa classificação nacional de atividade econômica. É utilizada para determinar quais atividades a empresa desenvolve. Item obrigatório para todas as pessoas jurídicas, inclusive autônomas e sem fins lucrativos, sendo fundamental para a obtenção do CNPJ.
Além de ajudar a melhorar a gestão tributária no país, essa classificação também pode garantir que sua empresa pague apenas os tributos relacionados ao seu negócio.
Certificado digital é um arquivo eletrônico que serve como identidade virtual para uma pessoa física ou jurídica.
É por ele pode se fazer transações online com garantia de autenticidade e com toda proteção das informações trocadas.

Departamento Fiscal

Lucro Real, Lucro Presumido e Simples Nacional. 

A escolha do melhor regime ocorre pelos fatores pessoais da empresa, como faturamento, despesas e atividades. Em determinadas operações, a melhor opção é o Simples Nacional, já em outras, o ideal seria o enquadramento no lucro presumido ou no lucro real. 

A nota fiscal é um documento que registra a compra de alguma mercadoria ou serviço. Com base nas notas fiscais, de serviços, vendas e compras, os impostos da empresa são apurados. 

Para saber qual tipo de nota emitir, precisamos identificar os CNAEs (Código Nacional de Atividade Econômica) da sua empresa.

A partir dele, identificaremos se sua empresa é enquadrada como comércio, indústria ou serviços

Para emitir notas fiscais de venda, a certificação digital é necessária para integração na Secretaria da Fazenda (SEFAZ).

Já para notas de serviço, somente o login e senha da Prefeitura do Município será suficiente para emissão. 

Assim como pessoas físicas, as empresas têm direito a créditos provenientes do programa Nota Fiscal Paulista, podendo gerar um crédito de até 30% do ICMS recolhido. Esse benefício está disponível para optantes do Simples Nacional, contribuinte ou não do ICMS, com receita bruta anual de até R$ 240 mil. As empresas podem receber crédito de compras realizadas no varejo, para consumo próprio, atacado ou indústria. 

Impostos Federais

  • IOF (Imposto sobre Operações Financeiras);
  • IPI (Imposto sobre Produto Industrializado);
  • IRPF (Imposto de Renda Pessoa Física);
  • IRPJ (Imposto de Renda Pessoa Jurídica);
  • COFINS (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social);
  • PIS/PASEP (Programa Integração Social);
  • CSLL (Contribuição Social sobre o Lucro Líquido);
  • INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). 

 Impostos Estaduais

  • ICMS (Operações relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual, Intermunicipal e de Comunicação);
  • IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores);
  • ITCMD (Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação). 

Impostos Municipais

  • IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano);
  • ISS (Imposto Sobre Serviço);
  • ITBI (Imposto sobre transmissão de bens imóveis). 

O QUE ESTÁ ESPERANDO?

CONTRATE A RECTA JÁ